Quantos empregados na sua folha de pagamento você tem? Sabe qual é o maior sonho dos empresários?

A desoneração da folha de pagamentos é um sonho dos empresários como medida para aliviar o custo de empreender no Brasil.

Nos Estados Unidos que neste momento de pandemia já conta com mais de 22 milhões de desempregados que estão no seguro desemprego o sistema é bem diferente.

Para aliviar a empresa de custos quanto à mão de obra a legislação é bem flexível para regular a relação de trabalho.

Lá se demite fácil e se contrata muito mais facilmente. Se protege o empregado com um forte sistema de seguro desemprego exatamente para deixar a empresa livre para realizar seu objetivo matriz que é ter condições de gerar riqueza em produtos e serviços, gerando impostos.

Lá se tributa a riqueza aqui é onerado a operação que gera a riqueza!

Aqui no Brasil com a expansão da crise gerada pela pandemia da Covid-19, o tema esta na pauta do Congresso. É necessário que o governo comece agir rápido para garantir condições de enfrentamento da crise econômica, criando condições de manutenção de empregos, que vai resultar em consumo e liquidez na economia.

Manter a folha com todas as contribuições e nas alíquotas atuais é sobrepor um peso que o empresariado não aguenta e vai acabar optando por demissões.

Vamos acompanhar que determinadas medidas podem ser colocadas em emendas nas diversas MPs que estão para serem apreciadas no Congresso nas próximas semanas.

Referente à folha de pagamento é interessante conhecer possibilidade de créditos de contribuições previdenciárias pagas de forma indevida sobre sua folha de pagamento nas consideradas verbas de natureza indenizatórias.

Explico melhor. O Supremo Tribunal Federal já decidiu que as verbas indenizatórias não sofrem contribuição previdenciária patronal de 20%, que é o exemplo do terço de férias e os primeiros 15 dias de afastamento do empregado em razão de doença ou acidente de trabalho.  

Estes créditos podem gerar extraordinária economia e aumentar o dinheiro no seu caixa já no próximo mês. Saiba agora a respeito desta solução, conversando com nossos especialistas através do botão abaixo:

Quero Falar com Especialista

Em momento de pandemia, seja empreendedor como sempre e administrador como nunca!  

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *